Viaje para a Noruega: O que Fazer no País mais Feliz do mundo?

A ONU faz a divulgação do Relatório Mundial da Felicidade e em 2017 a Noruega acabou desbancando a Dinamarca e ocupando o primeiro lugar. Assim, este país passou a ser considerado “o país mais feliz do mundo”.

Como o país alcançou o primeiro lugar nesse ranking e é cada vez maior a quantidade de pessoas que querem viajar para a Noruega, destacamos alguns dos pontos mais interessantes que ele possui para o turista. Assim, ninguém vai ficar sem conhecer este belíssimo lugar.

Assistir ao ballet na Ópera House

Viaje para o país mais feliz do mundo! Partiu, Noruega!

Pelo lado de fora este edificio é muito moderno feito em mármore e cristal. Até parece um glaciar que está flutuando pela orla da cidade. Mesmo que o turista não assista a algum espetáculo, já é um passeio incrível, pois tanto seu teto quanto suas laterais são passarelas que pode caminhar e admirar a linda paisagem.

Por dentro, há o foyer com o pé direito com 15 metros que é todo envidraçado e que contrasta com as ripas feitas em carvalho dourado que reveste o auditório. O interior do auditório contém formas orgânicas e bastante madeira. Existem tours guiados que o turista compra ingressos para participar, mas o que realmente alegra a alma é o ballet.

Royal Palace Park

Em frente ao palácio da Rainha Sonja e do Rei Harald V há diversos soldados que não esboçam qualquer reação. Mas todos os dias é feita a cerimônia que troca a guarda pontualmente às 13h30. Essa é uma ótima opção para quem deseja viajar para a Noruega.

Mas não há nada comparado aos jardins do Royal Palace Park. Este parque é belíssimo e rodeia o palácio. Se a viagem for feita no verão o passeio fica ainda mais agradável. Ele possui lagos belíssimos, grama imaculada e um povo lindo.

Vigeland Park

A Noruega tem um escultor que é muito amado, o Gustav Vigeland. Tanto isso é verdade que existem 212 obras deste escultor que reinam neste parque que é, no mundo, o maior a se dedicar a um único artista. Seus trabalhos retratam as relações humanas e são grandes feitas em bronze e granito. Em muitos casos elas são bem extremas, mas é possível se divertir um pouco com elas.

Aquavit de Tromso

Essa cidade está localizada na região norte da Noruega acima da linha do Ártico cerca de 400 quilômetros. No verão, por volta da meia-noite o sol dá uma rasante no horizonte para ficar ativo novamente próximo às 2h da manhã. A qualquer hora da madrugada é possível encontrar gente na rua.

Ela possui uma grande quantidade de pubs por pessoa do país. É desses lugares que a cachaça deles é servida, o Aquavit. Essa bebida é um destilado que tem ervas e é bebido em shots.

Mergulhar no Ártico sem frio

Parece loucura, afinal, a Noruega é um país frio. Mas existem alguns lugares, como é o caso de Tromso, que antigas baleeiras foram transformadas em barcos de passeio. Um bom exemplo disso é o Vulkana de 1957 que é totalmente feito em madeira. Ele foi transformado num barco-spa rústico-chique.

Nele tem uma sauna seca, ofurô ao ar livre e banhos árabes que são o hammam. Com isso é possível se esquentar o suficiente para conseguir saltar no mar sem sentir frio. Para quem pretende ter um passeio mais longo existem cabines para dormir.

Aurora boreal

A aurora boreal é um fenômeno belíssimo que acontece no inverno entre os meses de novembro e fevereiro. Para quem quer ver este espetáculo da natureza uma ótima opção é fazer uma viagem para a Noruega. Afinal, este é um dos melhores países para poder vê-lo.

A cidade de Tromso é o ponto de partida para entrar nos confins do país. Existem diversas agências que levam os turistas para os lugares mais próximos do nada. Assim as luzes da cidade não atrapalham as luzes que colorem o céu.

Os que são mais aventureiro segue para Svalbard que fica no extremo norte da Noruega. Este é um dos únicos lugares existentes no mundo que é possível visualizar a aurora boreal enquanto ainda é dia. Isto é, num céu escuro quando ainda é dia, pois a luz do sol não aparece nesta região nesta época do ano.

Pescar Bacalhau!!

Na Noruega existem as Ilhas Lofoten que são remotas. Nelas há uma vila que essencialmente é pesqueira, Svolvaer. São em torno de 5 mil habitantes que ela possui e a sensação que se tem é que se está num lugar distante. A pesca, principalmente do bacalhau, é o que se tem para fazer e ela quase que cheira a peixe.

É neste local que é realizado o campeonato internacional de pesca de bacalhau, o World Cod Fishing Championship. Mas mesmo quando se viaja para lá sem ser época deste campeonato é possível brincar um pouco de pescar bacalhau.

Partiu, Noruega?

A Noruega possui diversos motivos para fazer com que qualquer pessoa queira viajar para conhecê-la. Afinal, um lugar como este, que é possível ver um fenômeno da natureza sensacional como a aurora boreal deve ter todos os motivos possíveis para ser considerada a mais feliz do mundo.

Gostou? Compartilhe o MercadoViagens.com com os amigos!

 

Avisos Legais sobre Pacotes de Viagens e Produtos Turísticos

  • O MercadoViagens.com não se responsabiliza por conteúdo gerado por terceiros. Lei 12.965/2014 Arts. 18 e 19.
  • Pacotes turísticos, roteiros e viagens são publicados por usuários não vinculados ao MercadoViagens.com
  • Todas as informações, imagens, ofertas e tarifas dos pacotes de viagens são de inteira responsabilidade do autor do conteúdo.
  • O MercadoViagens.com não intermedia ou participa de qualquer etapa das negociações entre anunciantes e clientes.
  • O licenciamento de eventuais fotos e textos de autoria de terceiros é de inteira responsabilidade do autor do conteúdo.
  • Tarifas turísticas sujeitas a disponibilidade e câmbio turismo. Consulte sua operadora turística. Pacotes turísticos sujeitos a disponibilidade.